Covid-19: Corrida Aos Eucaliptos Em Moçambique

Sem uma vacina, médicos e cientistas buscam alternativas para conter a letalidade do coronavírus. Em Moçambique são muitos os cidadãos que procuram alternativas de prevenção, uma delas é o uso do eucalipto, uma planta conhecida por melhorar o funcionamento das vias respiratórias. Inclusive em alguns pontos de venda em Maputo, já não existe a planta.

O uso da folha de Eucalipto já é uma tradição em Moçambique. Comumente recomendado para fazer Bafo para melhorar o desempenho do sistema respiratório.

Desta vez, com o surgimento da Covid-19, uma pandemia que afecta o aparelho respiratório, regista-se um aumento exponencial da procura das folhas desta planta, embora Maputo não tenha um mercado oficial de venda da mesma.

Um novo negócio que nasci na cidade de Maputo.

Separados em molhos, o preço varia entre os 50 e 100mtn. Nalgumas vezes a recompensa é ainda maior.

Os poucos locais onde existe a planta dentro da cidade capital o cenário é de enorme procura. Luís António trabalha no Repinga como Jardineiro, afirma não estar contra os vendedores mas considera tratar-se de desflorestamento naquele local.

O Sr Leandro Salada tem 55 anos de experiência, refere que as folhas de eucalipto combatem à febre, gripe e até mesmo Malária. Com as características da Covid-19 acredita que também podem ser um vector de prevenção da pandemia.

Não está provado que o eucalipto seja a cura para o novo coronavírus e os profissionais de saúde desencorajam o exagero.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *