Detido vereador do Conselho Autárquico de Quelimane por abrir seu bar

Está sob custódia policial na 2ª esquadra, na Cidade de Quelimane, o Vereador do Conselho Autárquico de Quelimane, por desobediência ao Decreto Presidencial. O vereador é acusado de abrir o seu bar no sábado e vender bebidas alcoólicas.

O Vereador Institucional de Planificação e Desenvolvimento Autárquico do Município de Quelimane alega que a sua detenção é injusta porque na altura da sua neutralização o mesmo havia aberto o seu bar para questões de limpeza e não necessariamente para a venda de bebidas alcoólicas como supostamente é acusado no processo a que responde.

O porta-voz da PRM da Zambézia. Sidner Lonzo. disse tratar-se de uma actividade com vista a disciplinar os cidadãos que tem desacatado as orientações no âmbito do estado de emergência e lamentou o facto de o infractor ser um cidadão bem informado que deveria ser exemplo para os munícipes tendo em conta a posição que ocupa.

Na província da Zambézia já foram recolhidos as celas 9 cidadãos dentre nacionais e estrangeiros, o maior número foi registado em Milange onde membros de uma confissão reuniram-se para um culto.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *