Reino Unido vai doar mais de 200 milhões de euros a países em desenvolvimento

Cerca de 227 milhões de euros serão distribuídos por diversas organizações britânicas e internacionais, sendo que 148 milhões serão destinados às Nações Unidas (onde estão incluídos 74 milhões para a OMS) e 57 milhões para a Cruz Vermelha internacional, anunciou hoje o Ministério do Desenvolvimento Internacional britânico.

O coronavírus vai além fronteiras. Só podemos proteger com muita eficácia os britânicos se ajudarmos os países em via de desenvolvimento a tornar forte os seus sistemas de saúde”, afirmou a ministra do Desenvolvimento Internacional, Anne-Marie Trevelyan.

Segundo a membro do Governo britânico, essa iniciativa “ajudará a impedir que o vírus infete milhões e milhões de pessoas nos países mais pobres”, esperando impedir “que novas ondas de infeção cheguem ao Reino Unido”.

De acordo com a agência de notícias francesa France-Presse, este novo apoio eleva a contribuição britânica na luta global contra a pandemia para cerca de 850 milhões de euros.

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus já veio parabenizar com esta “contribuição generosa” vindo do Governo britânico.

“Estamos todos no mesmo barco, o que significa que proteger a saúde global ajudará a proteger a saúde dos britânicos”, afirmou. O Reino Unido contabiliza 9.875 mortos e 78.991 casos confirmados.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já provocou mais de 107 mil mortos e infetou mais de 1,7 milhões de pessoas em 193 países e territórios. Dos casos de infeção, quase 345 mil são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Os Estados Unidos são o país que regista o maior número de mortes, contabilizando 20.071, e aquele que tem mais infetados, com perto de 520 mil casos confirmados.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *