Sogro Mata Genro Por Não Pagar Lobolo

Um indivíduo foi detido pela polícia, em Sofala, acusado de ter morto o seu genro por alegadamente este não ter pago o lobolo, numa união que durou cerca de três anos.

O indivíduo é indiciado pela polícia de ter praticado um homicídio voluntário em virtude de ter, supostamente, com recurso à forca física, desferido golpes contra o seu genro, alegadamente porque este não teria pago o lobolo.

De acordo com a polícia, o crime teria ocorrido na residência da vítima para onde o sogro teria se deslocado há cerca de três dias, para, tal como já o fizera em muitas ocasiões, exigir o pagamento do lobolo, que simboliza o casamento tradicional. O indiciado nega o crime e diz que no dia em que o seu genro morreu não se encontrou com ele.

O homicídio ocorreu no interior do distrito de Nhamatanda e a polícia não indicou onde a filha do suposto assassino e esposa do finado, assim como os três filhos menores do casal, encontravam-se no momento do crime.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *