Turquia Libertará 90mil Reclusos, Menos os Políticos Presos!

O parlamento turco aprovou, durante a noite desta segunda-feira, um projeto de lei que prevê a saída de cerca de 90 mil reclusos, por forma a aliviar as prisões superlotadas do país. Contudo, segundo denúncias da oposição e de organizações de direitos humanos, milhares de presos políticos, incluindo dezenas de jornalistas, não são abrangidos pela medida.

projeto em causa implica a reforma de várias leis que afetam a ação penal e o sistema prisional e estava já “em preparação” há algum tempo. A sua aprovação terá sido acelerada devido à propagação da Covid-19, refere Cahit Özkan, vice-presidente do grupo parlamentar da AKP.

No entanto, as pessoas condenadas por “terrorismo”, incluindo numerosos jornalistas e opositores políticos, são excluídas desta medida, isto apesar das pressões de diversas organizações de defesa dos direitos humanos para a sua libertação.

projeto de lei apresentado pelo governo turco destina-se a limitar o risco de propagação da pandemia da Covid-19 nas prisões turcas, onde cerca de 286.000 pessoas estavam encarceradas em 2019.

Na Turquia, há registo de mais de 60 mil infetados e 1.300 mortos por Covid-19. Haverá 17 presos e 79 trabalhadores do sistema prisional infetados e há já registo de três presos que morreram devido ao novo coronavírus.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *